A poupança ainda é um bom investimento?

Muitos brasileiros ainda confiam na segurança da caderneta

Quando se trata de investimentos, a poupança é a queridinha dos brasileiros há um bom tempo. Segundo pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), 65% das pessoas que guardam dinheiro escolhem essa modalidade para investir. 

Quem deseja fazer investimentos em 2020 deve saber que o rendimento este ano será menor. Isso porque o rendimento será abaixo da inflação. Com a taxa básica de juros (Selic) em 4,5% ao ano, o rendimento anual da poupança será de 3,15%, enquanto a expectativa é que a inflação fique em 3,6%. Desde 2015 o rendimento deste tipo de investimento não é menor que a inflação.

Mas qual o motivo deste fenômeno? Uma regra criada em 2012 afetou diretamente o rendimento da poupança, toda vez que a Selic estiver acima de 8,5% ao ano, a poupança vai render 6,17% ao ano (0,5% ao mês) mais a Taxa Referencial (TR). Agora com os juros baixos, a poupança rende 70% da Selic mais a TR.

Uma coisa é fato, a poupança não pode ser a melhor opção de aplicação existente, contudo, não podemos esquecer da regra básica de investimentos: o dinheiro deve ser investido de acordo com o perfil da pessoa, respeitando os objetivos e condições que ela tem. Pensando nisso, esta categoria ainda é útil para algumas pessoas, por diversos motivos. Confira quais situações:

Dinheiro embaixo do colchão

De acordo com a mesmo pesquisa citada acima, 25% dos brasileiros ainda guardam dinheiro em casa. Algumas pessoas não possuem conta no banco e recebem o salário em espécie, podendo utilizar cofres, colchão e outros meios nada seguros. Para esta pessoa a poupança pode ser uma alternativa, já que não tem taxa de manutenção e garante segurança.

De pouco em pouco

Já as pessoas que ganham pouco, gastam a maior parte do salário com o aluguel e alimentação e guardam uma quantidade pequena de dinheiro, podem contar também com a poupança. Vale lembrar que independentemente do valor, o que vale é guardar todo mês.

Resgate em pouco tempo

Vamos supor que você recebeu uma quantia significativa de dinheiro e pretende usá-lo em breve. Não é seguro guardar em casa e na conta corrente, muitas vezes, está sujeito a pagar taxas. Assim, vale guardar na poupança e resgatar no dia que você desejar, sem precisar pagar por isso.

Dinheiro de emergência

É sempre bom ter aquela reserva de emergência, mesmo que você já tenha outras aplicações. A poupança é uma boa opção porque você pode sacar a qualquer momento, afinal, nunca se sabe quando pode precisar.

Começou a poupança antes de maio de 2012

Lembra da regra que começou em 2012, que citamos acima? As pessoas que têm dinheiro na poupança antiga, ainda podem contar com o rendimento de 6,17%. Estas aplicações não perderão em 2020, sendo assim, os investidores podem manter. 

Tags: finanças investimento

Veja mais